domingo, 25 de setembro de 2016

Biografia dos Artistas: 1x06 - Taiguara Nazareth


Antes mesmo da minissérie Presença de Anita estrear na Globo, um personagem vinha causando frisson entre os telespectadores, ou melhor, telespectadoras. Nas chamadas que anunciavam a minissérie, a novata Mel Lisboa e o galã José Mayer tiveram de dividir os olhares com um completo desconhecido. Negro, alto, forte, sempre sem camisa, em cenas sensuais de fazer inveja a Brad Pitt, ele é Taiguara Nazareth, 25 anos.Nascido na periferia de São Paulo, no bairro Cidade Ademar, Taiguara começou por acaso a carreira de modelo aos 17 anos. O que ele queria mesmo era jogar basquete e futebol. “Não falam que negro só se dá bem no esporte?”, brinca, com certa ironia. Foram os amigos do esporte que o incentivaram a investir na profissão. Depois de peregrinar por diversas agências de modelo sem nenhuma aceitação, caiu nas graças da Mega, que estava em busca de um “Deus negro”. Não faltou trabalho, mas Taiguara esbarrou num obstáculo que o desanimou: o preconceito. “Sofri muito. Tinha fama, mas não tinha grana. O Brasil é patético. Dizem que não existe racismo, mas aparece como namorado de uma garota branca para ver!”, reclama o ator. Em 1997, Taiguara resolveu virar a mesa. Juntou o que tinha e seguiu para os Estados Unidos com um amigo sem sequer saber uma palavra de inglês. O talento para o esporte lhe abriu as portas para conseguir uma bolsa de estudos em uma universidade no interior do Estado de Nebraska. “Procurei o técnico de basquete e tentei explicar que era jogador. Acho que ele ficou com pena de mim e me deu a bolsa”, conta. Por quatro anos, cursou ciências humanas e teatro. Pronto. Descobriu que sua verdadeira vocação era a dramaturgia.

Taiguara então partiu para Nova York, onde atuava como garçom de dia e ator à noite. Participou de mais de cinco montagens pequenas até o dia em que ouviu alguém dizer: “Assisto aos programas de tevê do seu país, mas não vejo atores negros”. A frase soou como um desafio, e ele voltou ao Brasil há cerca de um ano, determinado a conquistar seu espaço. Foi novamente o acaso que o colocou na rota de Presença de Anita. Os testes para a escolha do ator que faria o personagem André já haviam acabado. Uma produtora de elenco da Globo se lembrou de Taiguara, que já havia pedido para gravar um registro de imagem anteriormente, e o chamou às pressas. Nem as duas tatuagens que possui, que a princípio o deixariam de fora da trama, impediram que o papel fosse seu. “Estava desencanado. As tatuagens tinham desanimado os produtores do elenco. Pouco tempo depois, me ligaram dizendo que o papel era meu”, comemora o ator. A responsabilidade de atuar pela primeira vez no Brasil pesa ainda mais quando o trabalho consiste em uma obra do “mestre” Manoel Carlos. Taiguara já sentiu a pressão. “Estou assustado. Tenho um papel pequeno e, mesmo assim, estou sendo muito procurado pela imprensa”, diz ele. Na trama, ele será empregado da fazenda de Marta (Vera Holtz), uma mulher severa e preconceituosa, que esconde seu desejo sexual por negros. “Taiguara é muito sensível e bom ator. Tivemos uma relação cordial desde o início”, elogia Vera Holtz. E Taiguara não parece muito incomodado com o fato de posar de objeto sexual na trama. “Como modelo eu também era”, diz ele.


Na Casa dos Artistas: Taiguara acabou entrando em algumas brigas durante sua passagem no programa, na maior parte com o cantor Supla. Inclusive uma delas foi durante um episódio ao vivo com Silvio Santos dando risada ao fundo. Ele também revelou durante a passagem que costumava mentir para os amigos quando era mais novo. Dizem que ele teve um envolvimento sexual com a Núbia dentro do confinamento, mesmo "tendo alguém" aqui fora. Em sua eliminação ele acabou saindo brigado com a Barbara que havia votado nele.


Depois do programa: Não aceitou posar nu na G Magazine embora já tenha ficado peladão na série da Rede Globo, entrou em um projeto de teatro ao lado dos companheiros de confinamento, fez algumas peças, algumas participações na televisão e acabou ficando por ai mesmo. Se destacou mais na área da modelagem e também tentou a sorte na carreira politica. Alguns anos atrás ele voltou aos palcos e pode ser visto no Carnaval também.

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário