segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Centro de Comando: 2x06 - Aquele com o Espantalho, o Leão e o Homem de Lata


"Alguns pedem por um cérebro, outros querem um coração e na maioria dos casos só falta é a coragem. E eu? Eu só quero voltar para casa."

Todo mudo está sempre procurando por alguma coisa que lhe falta, não é mesmo? É exatamente como no filme "O Mágico de Oz", sempre achamos que se tivermos algo de diferente, que nos complete, talvez, seremos diferentes e possivelmente feliz. Mas, será que ficar esperando um mágico vir e te dar aquilo que você mais quer, é a solução correta para os seus problemas? Isso é o que veremos agora, senhoras e senhores... Coloquem seus sapatinhos de rubi e venham comigo.

Okay, nós entendemos que desde que nascemos, até a gente vestir o terno de madeira, é bem provável que iremos ir acumulando decepções, não é mesmo? Algumas pessoas depois dos seus 15 anos de idade, provavelmente vão começar a confiar menos nas outras pessoas, não vão se abrir muito e possivelmente vão perder a coragem de se aventurar em um relacionamento sério, tudo isso, por uma decepção.


E vale a pena a gente se fechar e ficar sem uma parte de nós mesmo, por conta de uma decepção?


É claro que não! Nossa vida é curta demais para ficarmos presos nas nossas próprias decepções, o certo a se fazer nesses momentos, é... Tá, tomar um pouco de sorvete, deixar a perna cabeluda, assistir um pouco de Titanic e logo depois, subir no salto e dar a volta por cima. Na verdade, é assim que funciona para quase todas as garotas, só que com os meninos, já não é bem essa a história...

Meninos naturalmente já não são propensos a revelar seus sentimentos e coisa e tal, o que complica a vida das meninas, e uma vez que eles se sentem decepcionados, é ai que eles se fecham ainda mais e recorrem a recursos nada agradáveis para esquece-los. Por isso, são muito parecidos com os personagens de Oz...


Cérebro: Alguns garotos não usam muito a cabeça certa para pensar nas coisas, por isso, na maioria das vezes em que estão decepcionados, vão achar mais fácil partir para (várias) outras, do que ficar, parar e resolver seus próprios problemas. Outra coisa, é que homem perto de pelo menos um outro, já não se torna responsável pela sua própria cabeça, garotos são mais manipuláveis do que se pensam, mas ai, vai do caráter da pessoa, né? Que é outra coisa que as pessoas deveriam querer, mas não procuram saber por onde achar...


Coração: Como eu já disse, garotos não são naturalmente planejados para falar de sentimentos e coisa e tal, por isso, as vezes, é capaz de acharmos que eles não tem coração, mas sim, eles tem! Como se usa? Não faço ideia. Talvez um dia a gente fique sabendo...


Coragem: Muitos garotos são corajosos, mas para todo e qualquer outro tipo de coisa, menos para relacionamentos. Talvez, seja pela criação, cresce vendo os pais brigando e ai, quando cresce, acredita que levar uma vida livre, leve e solto, seja mais fácil do que a complicação de um relacionamento. E sim, garotos gostam de comodidade, eles ficam presos em relacionamentos que não funcionam, só por ser algo mais seguro do que ir lá fora e achar alguém que realmente ame.


O problema é que, não existe nenhum mágico por ai distribuindo aquilo que falta nas pessoas, não é mesmo? O melhor que a gente pode fazer é ficar de olhos bem abertos e procurar mudar em si mesmo, aquilo que estiver vendo que não está certo e parar de temer as decepções, elas acontecem, não tem como evitar, e quando isso acontecer, olhar bem para tudo o que aconteceu, e tirar algum proveito da situação, para que na relação seguinte, não cometa o mesmo erro. Pelo menos na teoria as coisas deveriam ser assim...

Espero ter ajudado e se não ajudei, tudo bem, a próxima matéria será com o Glauber novamente e voces vão rir de muitão, e vão acabar esquecendo de ligar, mandar mensagem e de pensar em pessoas inadequadas. Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário