sexta-feira, 23 de setembro de 2016

#Aquecimento: 5x16 - E se o pessoal do Supermax fosse confinado?


Olá meu povo, minha pova... Tudo bom? Para você que está chegando agora, "Personagens em Realitys" é uma coluna fictícia aqui do blog, no qual a gente imagina como seria ter determinados personagens confinados em um reality show. Pode acontecer de ter spoilers na matéria? Pode! Então, se você não gosta disso, talvez seja melhor você pular para uma outra matéria e voltar aqui depois de conferir o filme ou a série. Não é mesmo?

E no episódio de hoje, vamos acompanhar como seria se o pessoal do "Supermax" que é uma série da Rede Globo que está sendo produzida desde 1938... Ou quase isso... Mas que só agora foi lançada na televisão aberta, quer dizer, não sei quem teve a ideia brilhante de jogar na rede os primeiros 11 episódios, ou seja, quem é que vai dar audiência para a emissora sendo que os episódios já estão rolando por ai? Pois é... Eu mesma só volto em dezembro para ver o último episódio e olhe lá... Embora, eu não tenha ficado muito contente com a história não, quem me acompanha no facebook pode conferir o que eu achei da série lá. Beleza? Agora, vamos aos negócios? Simbora!

Artur


Conhecido em seus tempos de glória como “Rei Artur”, ele é um ex-jogador de futebol que ainda acredita estar em atividade. Porém, mais do que a má forma física, seu passado conturbado não deixa que isso aconteça. Cresceu numa favela, e hoje, seus amigos de infância comandam o tráfico na comunidade. Com o dinheiro do prêmio, pretende abrir uma escolinha de futebol no Nordeste. No confinamento ele seria aquele cara que quer ser o macho alfa da casa, sabe? Toda edição de reality tem um e em toda edição eles perdem lindamente... Já que seus comentários machistas e até mesmo homofóbicos fariam ele rodar bonitinho. Teria tretas com outros homens da casa e possivelmente iria querer criar um "clube do bolinha" dentro da casa.

Bruna


É uma enfermeira extremamente solidária, que não consegue ver o sofrimento alheio sem tomar alguma atitude. Trabalhava num grande hospital, cuidando de pacientes terminais, mas foi demitida. Tem um jeito angelical, mas adora visitar cemitérios e pensar na morte. Participa do programa pelo dinheiro. Ela não pensaria duas vezes antes de passar por cima de alguém para atingir seus objetivos, ficaria inclusive com algum homem na casa só para garantir um aliado. Com a sua aparência, iria conseguir enganar quase todos os demais confinados e dificilmente seria indicada para algum paredão.

Cecília


Pertenceu no passado ao jet set carioca. Chegou a ser atriz coadjuvante em algumas novelas e fez também comerciais. Após a morte do filho e o fim de seu casamento, beira a miséria. Está no reality pelo dinheiro. Iria conseguir um grande público aqui fora pelo seu jeito "sincero" de ser, iria reclamar de várias coisas durante o confinamento e entraria em algumas polemicas com seus companheiros, inclusive raciais. Embora tudo isso, poderia ser uma das finalistas se algo não lhe tirasse da competição antes mesmo do que ela imaginasse.

Dante


Mais jovem dos integrantes do reality, é adepto de seitas satânicas. Pálido, cabelos compridos, ar de roqueiro, corpo cheio de tatuagens. Ainda que oriundo de família muito rica, participa pelo prêmio em dinheiro, pois foi deserdado pelo pai. Seria um dos participantes mais chatinhos da temporada, aquele que faz brincadeira que ninguém está afim de participar, que só fala besteira e que se acha o rei do mundo, mas no fim do dia as pessoas estão rindo dele e não com ele. Acabaria sendo pego nas mentiras e a galera acabaria colocando ele no paredão e o público tiraria ele da casa agradecendo aos participantes.

Diana


Ex-garota de programa, virou dona de casa ao se casar com um de seus clientes. Viveu um relação doentia, na qual aceitava as agressões do marido. Decidiu colocar um ponto final ao descobrir uma traição. Acredita que o programa lhe trará uma segunda chance na vida. A moça acabaria ganhando simpatia do público sem algum motivo aparente, talvez pelo motivo dela não tentar agradar aos demais participantes ou talvez por sua história de vida. Mesmo sendo querida, ela não conseguiria chegar na final do programa por começar a mudar de personalidade no meio da temporada.

Janette


Nasceu muito pobre, perdeu a mãe cedo e viveu uma infância de privações em companhia do pai, um alcoólatra violento que não a aceitava. Fugiu de casa, e hoje, é dona de uma pequena rede de salões de beleza em subúrbios do Rio. É do tipo que fala tudo o que lhe vem à cabeça. Precisa do dinheiro do programa para salvar o negócio de um golpe inesperado. A moça seguiria os moldes de Ariadna e Bianca da "Casa dos Artistas", ninguém saberia sobre a verdade dela até o meio do jogo, quando ela acaba se envolvendo com algum homem da casa e ele revela seu grande segredo. Depois da revelação o público se divide entre os que são solidários a situação e aqueles que não gostam da maneira como ela reage ao ser confrontada.

José Augusto 


Economista, tem uma ex-mulher e dois filhos. Ligou-se a políticos, passando a atuar nos bastidores como “arrecadador” de fundos para as campanhas de um partido. Viu o que quis e também o que não quis nessa atividade. Participa do reality porque acredita que a notoriedade vai garantir sua sobrevivência. Seria o grande manipulador da temporada e aquele que todos aqui fora odeiam, mas que seguram ele na casa por ser ele quem dá animo ao jogo. Depois de algum tempo, quando o programa começa a entrar em sua reta final, seria o primeiro a ser eliminado, embora ele seja um daqueles participantes que batem no peito dizendo que não vão ser eliminados, porque o público "está" com ele.

Luisão


É um ex-lutador de MMA, campeão na sua categoria, mas vive atormentado por uma culpa antiga. Afastado do ringue, se dedica a domar a raiva e violência que lhe são características e a tentar compreender o processo que o acometeu em sua derradeira luta. Poderia ser um dos grandes favoritos ao prêmio da casa já que não é muito de briga e dificilmente é manipulado por alguém. Agiria conforme fosse o mais justo para todos e ganharia o coração das mulherada por ficar sempre treinando e circulando com roupas de banho pelo confinamento, inclusive seria um dos participantes que não teria vergonha e tomaria banho peladão para todo mundo ver.

Nando 


Exerceu o sacerdócio por 20 anos, mas acredita ter sido afastado injustamente. Por isso, ainda se considera padre diante de Deus. Participa do programa para tentar reparar a suposta injustiça de que foi vítima, e retornar à Igreja. No começo da temporada seria o religioso que fica no próprio canto, que não participa das festas ou das conversas mais "quentes", mas, no decorrer da temporada ele acaba jogando tudo para o alto e decide aproveitar a vida enquanto ainda pode, surpreendendo todo mundo, inclusive o público que passará a gostar mais dele no jogo.

Sabrina


Mulher determinada e durona, filha de um grande empresário. Foi sequestrada no passado e passou quatro meses em cativeiro. Participa do reality pelo prêmio, afirmando que pretende usar o dinheiro para contratar bons advogados, capazes de tirar da cadeia o homem que ama – seu próprio sequestrador. Iria acabar ganhando boa parte do público pelo seu visual diferente e a outra parte do público iria lhe detestar, também seria do tipo que não iria medir esforços para vencer, inclusive enganar os homens para fazer suas vontades no jogo, acabaria sendo pega quando os rapazes começassem a brigar por sua causa no confinamento.

Sérgio


Confiante e líder nato, pertenceu aos quadros da PM, mas foi afastado por causa de um crime que sustenta não ter cometido. Hoje, ganha a vida como segurança particular e vê no programa uma oportunidade de se refazer e retornar à polícia. No começo ele iria ter o apoio do público, mas no decorrer da temporada todo mundo iria perceber que ele faz a linha: "Faz o que eu digo e não o que eu faço", suas histórias e atitudes hipócritas iriam fazer com que ele fosse eliminado rapidinho do confinamento.

Timóteo


É um médico reformado do Exército. Homem reservado, de poucas palavras e de traços autoritários. Compete pelo prêmio em dinheiro, pois nunca se apoderou de um centavo que não fosse seu e vive modestamente de sua aposentadoria minguada. Seria alguém cheio de regras e tocs dentro do confinamento, iria brigar pela bagunça dos mais jovens, pela comida mal dividida, por causa do barulho das festas e acabaria sendo colocado de lado por todos da casa.

E ai? Vocês concordam que o jogo seria mais ou menos esse? Gostaria de ver personagens de algum filme ou serie de televisão aqui? Comentem e fiquem de olho que em breve eu volto com mais.

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

2 comentários:

  1. Concerteza eu torceria pra bruna a mariana Ximenes é minha quansh(desculpa deu branco e esqueci como si escreve essa palavra #souburromesmo ) e odiaria o Dante aff pessoas desse perfil são um porre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assisti o primeiro capítulo e não gostei dele de cara pq né ... e eu queria saber quem foi o jumento q deu a ideia de colocar os primeiros onze capítulos no globo play aí depois a audiência está mal da cordas e não sabem o q foi aiai decidir só acompanha pela tv pq eu tbm só votaria a assistir no último capítulo

      Excluir