quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

A Fazenda 9: Área comercial da Record decide se haverá ou não nova temporada


A Record ainda não decidiu se exibirá a nova edição do reality “A Fazenda” este ano, e o motivo é que quem tomará essa decisão será o seu departamento comercial. Antes de anunciar a atração oficialmente, a emissora incumbiu sua área de vendas de obter ao menos seis cotas para marcas interessadas.

O preço cheio de tabela para cada cota, segundo a UOL apurou, deverá ficar na casa dos R$ 70 milhões. No entanto, ninguém paga esse valor, claro. Sempre há generosos descontos na tabela. O problema para a direção da Record é que “A Fazenda” é um reality muito caro e que resulta em pouca rentabilidade. Cenários, cachês, produção, aluguel de propriedades, tudo é tão caro que a emissora decidiu que só fará a nova edição se obtiver um lucro real.

O aviso interno é: se for para fazer um programa por meses para acabar no 0 x 0 (comercialmente) é melhor nem fazer, disse uma fonte da emissora à coluna (sob anonimato). O programa costuma registrar dois dígitos de audiência e ficar na vice-liderança. A edição passada, em 2015, sob comando de Roberto Justus, estreou com 13,7 pontos na Grande SP, mas foi perdendo fôlego até o final. Procurada, a Record disse por meio de sua assessoria, que “ainda não há plano comercial para o reality”.

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

2 comentários:

  1. Se a Inês tivesse na Fazenda o que não faltava era audiência! pode ter certeza! Os brasileiros foram até bloqueados da página do Grammy por comentar muuuuuito pra ela fosse indicada ao grammy kjkkkkkjk

    ResponderExcluir