sexta-feira, 12 de abril de 2019

Vazou na Web: 6x29 - Tony Salles do "Dancing Brasil" posou nu na G Magazine


Tony Salles contou durante o ensaio do Paparazzo ao lado da mulher, Scheila Carvalho, detalhes de seu passado sexual. Dentre as confissões, está a perda prematura de sua virgindade. Tony, hoje com 34 anos, transou pela primeira vez aos 9 anos. O ensaio do casal aconteceu na loja Pau a Pique Desing. Ele titubeou em revelar detalhes desse momento, que, segundo ele, são desconhecidos até por sua mãe. "Eu tinha 9 anos e foi uma empregada da minha mãe que me seduziu. Ela tinha 15 anos. Foram duas vezes com ela. Não fazia ideia do que era. Só sabia que era uma brincadeira gostosa", lembra o líder do Parangolé. Tony lembra que foi criado apenas pela mãe, que era separada de seu pai. Desde criança ela o incentivou a trabalhar cedo para conquistar o seu dinheiro.

Aos 9 ele começou como ajudante de mecânico e como ajudante de uma empresa de refrigeração. "Mas eu só pensava em cantar. Quando tinha 10 anos comecei a fazer shows. Formava um grupo só de meninos. Sofria assédio de todos os tipos de mulheres, de todas idades. Mas gostava das mais velhas. Rolou até com menina de 18. Eu era alto, grandão". Nessa fase, o assédio das meninas era grande quando ele estava no palco e, assim, depois de ter conhecido o sexo, não parou mais de 'brincar'. "Aos 9 anos não sabia o que era isso. Só me dei conta de que era sexo mais tarde. Na fase de criança achava isso normal. Não tinha coragem de contar para minha mãe. Vim ter uma visão diferente do que foi isso depois de adulto. Isso foi um abuso sexual, sim", reconhece.


Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário