quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

RHS: 1x12 - Reality Horror Story - All I Could Do Was Cry


Alexandra, Benjamin, Bernardo, Cecília, Enzo, Larissa, Mirella, Ruan e Wesley são liberados pela produção para voltar ao confinamento e chegam fazendo festa para os três finalistas que são pegos completamente de surpresa por eles. Yasmin fica feliz em ver Larissa e Mirella, mas questiona onde que Caleb está. As amigas dizem que ele não conseguiu ir para a festa, ela olha em volta e percebe que Catarina também não está na festa e questiona se o fato dos dois não estarem ali possui alguma ligação. Larissa responde que não e a amiga pede para que ela não minta. Mirella responde que Yasmin pode ficar tranquila, que não tem ligação nenhuma a falta dos dois.

Cecília fica mais isolada na festa e Wesley questiona o que está acontecendo com ela. A moça diz que é difícil estar ali comemorando, como se nada estivesse acontecendo, enquanto o mundo deles está em chamas. Wesley responde que ela precisa por na cabeça que naquele momento não tem muito o que fazer, que eles precisam viver um dia de cada vez. Bernardo se aproxima e diz que está difícil segurar a barra. Wesley diz para os dois ficarem separados então, antes que eles acabem falando demais, além de que, juntos fica cada vez mais nítido que tem algo de errado acontecendo. Rafaela questiona Alexandra como estão as coisas depois que ela deixou o confinamento e a moça responde que estão bem diferentes do que ela imaginava que seria e que ela vai descobrir tudo em breve. A moça responde que não vê a hora de finalmente deixar a casa e voltar para o mundo real. Alexandra responde que ela precisa aproveitar essa bolha isolada que eles estão vivendo o máximo que puder, que depois disso, ela não vai ter mais tranquilidade.


Uma confusão acontece na cozinha do confinamento, Yasmin começa a discutir com Larissa, dizendo que a moça mentiu para ela. Ela questiona o que aconteceu e a loira responde que falaram para ela que Caleb está com Catarina. Mirella entrou na discussão dizendo que é mentira de quem falou isso. Longe da cena, Benjamin fica dando risada das moças discutindo. Enzo questiona se isso é coisa dele e o rapaz responde que pode ser que sim ou pode ser que não, que ninguém falou nada sobre distorcer os fatos e que até onde eles sabem, os dois estão realmente juntos, no além. Wesley diz que o rapaz é desprezível e vai tentar ajudar na confusão. Théo questiona o que está acontecendo e Enzo responde que quando eles deixarem o confinamento eles vão ficar sabendo de tudo o que está acontecendo. Rafaela responde que quer saber agora e Alexandra diz que eles não podem dar informação de fora do confinamento. A moça questiona se Catarina está realmente com Caleb e Enzo responde que não, que isso é coisa do Benjamin para provocar Yasmin.

Nos corredores da produção do confinamento, Daniela está organizando figurantes vestidos de animais de pelúcia para entrarem no programa para dançar com os participantes. Ela organiza todo mundo na porta de entrada do confinamento e diz que eles vão ficar por ali por uma hora no máximo, que eles não podem conversar com os participantes ou tirar suas máscaras. Ela questiona se todo mundo entendeu e eles fazem um sinal de afirmativo com a cabeça. Os figurantes começam a entrar e logo quando ela está para fechar a porta novamente, chega uma pessoa, vestida de preto e uma máscara com o mascote do programa. Daniela diz que não sabia que tinha essa fantasia também e reclama que o figurante chegou atrasado e que quase iria ficar de fora. A moça abre a porta novamente, coloca ele para dentro e diz que é para ele se divertir. No meio da confusão de Yasmin, eles recebem os figurantes, Cecília fica assustada enquanto Rafaela se diverte no meio deles.


Enquanto João e Heitor discutem na delegacia sobre como prosseguir dali, um policial chega pedindo para eles ligarem a televisão no confinamento. Heitor responde que essa não é a hora de assistir gente com a bunda de fora rebolando e o rapaz responde que eles vão querer ver isso. João liga a televisão e questiona o que eles estão procurando. Alguns instantes depois, a câmera flagra o assassino no meio dos participantes. Heitor questiona se João está vendo o que ele está vendo e detetive responde que é para os policiais chamarem reforços que eles precisam ir até o programa. Heitor e João seguem juntos no carro, com Heitor tentando ligar para Augusto, mas as ligações só caem na caixa postal. Yasmin segue discutindo no confinamento com as amigas, os figurantes entrando no meio e saindo, até que a moça esbarrou no assassino, mandando ele sair de perto dela que ela está tendo uma conversa séria. Ao ver que alguém vestido como o assassino está ali dentro, Mirella grita desesperada.

No mesmo instante, todas as luzes do confinamento apagam. As câmeras também falham. A produção fica louca tentando fazer tudo voltar ao normal. Em casa, os telespectadores reclamam da falha da produção e os telefones começam a tocar. A energia falta em toda a área da emissora, os funcionários usam seu celulares como lanternas enquanto tentam resolver os problemas. Eles tentam ligar para a companhia elétrica e para a seguradora, já que os geradores deveriam funcionar, mas os celulares estão fora de área e os fixos estão sem linha. No confinamento, Mirella diz que o assassino está lá dentro e que isso é obra dele. Alexandra responde que é para todo mundo ficar junto e em silencio que se alguém escutar algum barulho eles vão ficar sabendo. Wesley diz que está perto da porta de entrada/saída do confinamento e que ela não abre. Cecília responde que a porta é trancada por chave pela produção, que eles precisam esperar alguém ir lá. Larissa diz que poderá ser tarde demais enquanto Rafaela e Théo questionam mais uma vez o que está acontecendo lá dentro e pedem para os demais serem sinceros.


Heitor e João seguem em frente na direção da emissora, chegando próximos, eles percebem que a energia acabou e se deparam com Tadeu deixando o prédio. Heitor questiona o que aconteceu e onde ele está indo. O apresentador responde que acabou a energia e que não possui motivos para estar ali. João diz que o assassino pode estar lá dentro do confinamento e Tadeu responde que é mais um motivo pelo qual ele não precisa estar lá. Heitor diz que o senhor não vai pra lugar algum, que é para ele esperar no carro deles. Tadeu questiona se ele está sendo preso e o detetive responde que não, o apresentador diz que sendo assim, está caindo fora dali. João diz para Heitor deixa-lo ir e o detetive acaba concordando. Os dois junto com a policia acabam entrando na emissora, usando lanternas para conseguirem ver o que está acontecendo. Heitor pede para que todos tenham muito cuidado.

No confinamento, Larissa reclama que alguma coisa gosmenta lhe atingiu e Mirella responde que nela também. Os demais participantes começam a se manifestar sobre o mesmo. Benjamin brinca dizendo que é para os homens deixarem o pinto dentro das calças, que provavelmente a produção está filmando eles ejaculando em cima das pessoas. Ruan questiona se ele ao menos pensa antes de falar essas merdas e Benjamin responde que não é como se eles não tivessem cogitado fazer isso. As luzes retornam e os participantes se deparam com um banho de sangue. Os figurantes que estavam vestidos de animais estão todos mortos com suas bocas tampadas com fita adesiva. A gosma que eles mencionaram era o sangue das pessoas. Yasmin questiona que tipo de piada sem graça é essa e Rafaela diz que foi engraçado e que todo mundo já pode levantar. Théo responde que parece ser de verdade, enquanto Bernardo questiona onde que está Cecília. Larissa e Mirella estão em choque, enquanto o rapaz grita para eles lhe ajudarem a encontrar a moça. Yasmin questiona se aquilo é de verdade e Alexandra responde gaguejando que sim.


Um dos funcionários avisa Augusto que ele precisa olhar as imagens e o diretor fica chocado com o que está sendo exibido. Ele pede para alguém ligar a televisão e descobre que tudo está sendo exibido ao vivo pela emissora. Augusto pede para que tirem isso do ar e coloquem qualquer outra coisa, mas os funcionários não conseguem tirar as imagens. As pessoas em suas casas ficam divididas entre achando que é de mentira e chocadas vendo que é a realidade. Augusto diz que esse será o fim deles e no mesmo instante, Heitor entra dizendo que esse será o menor dos problemas do rapaz. Ele pede para alguém levar a policia até o local imediatamente e questiona quem foi a última pessoa que esteve por perto. Augusto responde que foi Daniela, mas que ele não está entendendo o que aconteceu. O detetive responde que eles vão descobrir juntos. Um dos estagiários consegue cortar as imagens, mas as redes sociais e a mídia já está fervendo sobre os acontecimentos. Jornalistas já se dirigem para a porta da emissora, o telefone não para de tocar, todo mundo quer saber o que realmente aconteceu. Heitor declara confinamento isolado para todo o prédio, ele pede reforços e pede para que em cada sala tenha pelo menos dois policiais armados. O legista também é convocado.

A policia pede para os participantes se afastarem dos corpos, Enzo diz que Cecília está falando, enquanto Larissa está completamente em choque. Mirella fala baixo que foi o assassino, o policial diz que não escutou e a moça grita que foi o assassino. Na direção do programa, Heitor diz que eles acreditam que pode ser obra de Orlando, já que ele se soltou durante o caminho para a prisão e que agora que eles descobriram que Cecília está sumida, ela pode muito bem ser mais uma vitima ou cúmplice do pai. Augusto questiona o motivo deles fazerem uma coisa dessas e Heitor responde que pode ser uma retaliação direta ao programa e a emissora por acreditarem terem danos emocionais em Cecília. Os detetives conversam com todos que estavam presentes, inclusive Daniela e os participantes de maneira individual. Augusto questiona quando eles vão liberar os três finalistas para o confinamento novamente e Heitor responde que caso ele não tenha percebido, o programa chegou ao fim e ninguém ganhou nada com isso.


Augusto responde que eles não podem fazer isso e João diz que o juiz já decretou o fim do programa e que agora tanto a emissora quanto ele precisará prestar depoimento sobre os acontecimentos e que isso é o menor dos problemas dele, que na porta da emissora já está cheia de abutre querendo a carne dele, que ele vai ter muito com o que se ocupar daqui pra frente. Os participantes começam a sair da emissora e resolvem ir juntos para um hotel. No caminho, eles atualizam Rafaela, Théo e Yasmin. Depois de algum tempo, Yasmin questiona quem venceu o programa e Rafaela diz que não acredita que ela está fazendo essa pergunta de verdade, que os amigos deles estão mortos, inclusive o namorado dela e que eles ainda podem ser atacados e a maior preocupação dela é saber quem venceu. Yasmin diz que não parece certo todo mundo ter passado por tudo isso e no fim, ninguém ganhar nada. Alexandra responde que algumas pessoas se merecem e Yasmin questiona sobre quem ela está falando. Alexandra diz que é sobre ela, que a moça deveria deixar de ser egoísta por um instante e prestar atenção no que está acontecendo em sua volta.

Um dos membros da produção vai até a sala de Augusto e questiona como ele quer lidar com a impressa. O diretor responde que não vai lidar com ninguém, que ele vai sair pelos fundos. Neste instante, o diretor da emissora aparece e diz que ele vai ter que lidar com a impressa sim, que é para ele tomar nota com o pessoal do jurídico e dar uma coletiva de impressa. As reações do público são  diversas, alguns querem que a emissora feche depois disso enquanto outros querem ver a continuação dos próximos episódios. A policia também é pressionada para encontrarem Orlando e Cecília. No hotel, os participantes debatem sobre o que fazer dali pra frente, Larissa quer ir pro mais longe que ela conseguir de tudo e de todos, enquanto Théo acha que é melhor eles permanecerem juntos até os problemas passarem. Ruan diz que talvez eles devam se separar, que será mais difícil do assassino conseguir pegar todos eles se eles estiverem espalhados pelo mundo. Larissa concorda com o rapaz e os participantes ficam divididos.


LEMBRANDO QUE: Esta coluna é uma obra de ficção, qualquer semelhança com nomes, pessoas, factos ou situações da vida real terá sido mera coincidência. Todos os direitos de criação das personagens e suas histórias são reservados. Este material não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem autorização. © 2017 - 2018

Qualquer novidade eu volto, lembrando que quem quiser entrar em contato comigo, pode add no facebook, procurando por "Bruna Jones" e que agora na página oficial do blog, vocês encontram conteúdo exclusivo: clique aqui! Podem também procurar e seguir no twitter no @odiariodebrunaj certo?

(Música do titulo: All I Could Do Was Cry faz referência a música da cantora Etta James).

4 comentários:

  1. Que banho de sangue foi esse? :0

    To de cara que o programa não teve um fim, e agora é que vai começar mesmo as mortes.

    Vem sangue!!

    ResponderExcluir
  2. Um dos melhores episódios até agora, Tadeu deve estar envolvido com a entrada do assassino no confinamento mas tenho minhas dúvidas, nessa série a cada episódio minha opinião muda.

    ResponderExcluir
  3. Que episódio maravilhoso,me senti lendo um livro de suspense.Bruna arrasa muito

    ResponderExcluir
  4. Toooopppp. Demorei pra me atualizar mas agr n consigo parar de ler. Quero o resto dos episódios na minha mesa agoraaaaaa

    ResponderExcluir